quinta-feira, abril 11, 2013

Separadas pelo Atlântico...

                                                     Artista: Maurizio Barraco

O telefone toca, do outro lado a sua amada com voz melosa que vinha do outro lado do Atlântico, uma poesia aos ouvidos dela...

Seu coração acelerou compassado, a imaginação se fez presente consumindo a saudade....

O desejo crescente ,então....

Ela reivindicou a boca, empurrando firmemente sua língua e beijando-a enquanto a acariciava gentilmente...

As mãos dela massageavam seus seios, friccionando seus mamilos rígidos até que ela gemesse de prazer...

O sangue subiu - lhe até as orelhas...

Ela baixou a cabeça passando a ponta da sua língua pincelando os mamilos de sua amada...

Sua amada quase se levantou da cama...

Sentiu uma onda de calor que se instalou no vértice de suas coxas...

Ela sorriu levemente e puxou-a até seus lábios ..

Ela a sugou por quase uma eternidade, indo de um seio ao outro...

Deliciosas sensações a fizeram tremer, a cada vez que ela sugava...

Para espanto dela, seu ventre se movia num ritmo animal ...

Sons que ela nunca emitira antes saíam de sua garganta...

Quando suas mãos escorregaram pela parte debaixo do ventre de sua amada , seu corpo se ergueu...

Ela parou com as mãos quentes e firmes na pele de sua amada...

Cada milímetro de seu corpo vibrava , renovada...

Ela acariciou do pescoço até a cintura , passando por cada curva , até que seus dedos chegassem à calcinha...

Ela tocou através do algodão , e apertou,pressionando os dedos contra a sensível junção entre as pernas de sua amada...

O olhar dela refletiu puro prazer...

Com um único movimento , ela puxou a calcinha, passando pelas pernas e a jogou ao chão...

Ela passou os dedos pela delicadeza da pele de sua amada até encontrar a fenda...

Com movimentos hábeis , tocou a parte que ansiava por ser tocada...

Sua amada se agarrou a ela , enquanto ela fazia sua mágica , circundando seu ponto de prazer até que sua amada gemesse e seu corpo mais uma vez se movesse num ritmo erótico...

Ela a beijou , a boca passando pela nuca, pelo pescoço e mais uma vez pelos seios...

A sucção firme de sua boca junto à pressão de seus dedos levou-a ao cume do prazer...

A tensão extraordinária aumentava...

Sua amada aprisionou os dedos contra os ombros e se jogou contra ela...

Com um grito sobressaltado, sua amada gozou, indo aos céus com uma intensidade que a deixou sem ar...

Do outro lado da linha a respiração era ofegante, tremula....

Nesse instante ela desejava segurar sua amada,acariciar as costas gentilmente, até que sua amada se acalmasse...

Fechou os olhos novamente e sentiu a sua amada se aconchegar em seus braços ...

Pensou no brilho do olhar de sua amada....

Seu coração dilatou -se...

Permaneceram mudas por alguns segundos ainda sentindo a presença viva em seus corpos...

Porém quando Ela decidiu dizer o quanto amava que a saudade quase a matava ....

Do outro lado da linha ouvisse apenas o tú tú tu.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!