segunda-feira, março 04, 2013

Madrugada Quente....

                          Artista : Maurizio Barraco Modelos: Lena c. y sabine

Eram quase cinco da madrugada ..

Hera e Atenas dormiam ...

Um barulho fez com que Atenas acordasse de seu sonho...

O corpo emitia ondas de calor ao vislumbrar a deusa ao seu lado....

Sendo levada pelo instinto da carne Atenas deslizou os lábios em busca do néctar de Hera...

Atenas roçou a língua ao longo daqueles lábios convidativos....

Envolvendo Hera em seus braços...

Hera murmurou um protesto....

Atenas não perdeu tempo e invadiu a intimidade da boca murmurosa.....

Trazendo-a para mais perto , e intensificando a exploração de sua boca....

Somente o lençol envolto ao corpo de Hera as separava...

A sensação dos seios arfantes pressionados contra os dela , fazia ir as alturas...

Cada vez mais excitada Atenas deslizou as mãos pelos seios , pela barriga de Hera....

Encaixadas feito colheres Atenas se revolvia no esguio espaço da cama se aninhando cada vez mais a hera...

Atenas beijava , mordia a nuca de Hera, que se contorcia ...

Tocando suas nádegas no sexo excitado de Atenas que gemia a cada toque....

Atenas com uma das mãos encontrava o sexo úmido quente de Hera e com movimentos circulares fazia com que hera se contorcesse ainda mais num ritmo descadenciado...

Ritmo dos que procuram o fim da angustia do prazer....

Com a outra mão livre Atenas toma o seio macio e intumescido de Hera...

Atenas desliza a língua quente pelo pescoço de Hera ....

Lentamente Atenas desce pelas costas de Hera encontrando as nádegas ....

Hera se joga de encontro à língua quente de Atenas que com movimentos circulares adentra a cavidade úmida de hera...

Sem mais protelar, Atenas molha seus dedos em seu sexo ardente e adentra aquela boquinha estreita macia e quente....

Com investidas cada vez mais fortes faz com que Hera se contorça , se movimente num ritmo louco , delirante de prazer....

Hera arqueou o corpo lhe dando uma melhor abertura de sua alma faminta pelos dedos de Atenas....

Que afundava em suas entranhas ....

Sua boca sugava, seus dedos adentravam numa loucura sem fim...

Hera gemida , mordia , puxa Atenas cada vez mais para dentro de seu corpo....

Um grito abafado , a unha metida na carne ,o gozo.....

Nos dedos e nos lábios de Atenas a sensação de pulsar, do vibrar das entranhas que estrangulavam os dedos de Atenas.....

Na ponta da língua o sabor que escorria das entranhas de hera...

Sem se retirar Atenas deslizou o corpo para cima de Hera e a beijou com o ardor de seus sonhos.













Um comentário:

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!