quinta-feira, setembro 06, 2012

Herança...

Noite fria sem deus e ninguém para me ouvir... Sussurros de pensamentos ao seu chamado... Nada... Nada acontece ,apenas frio me aquece... Sorrir do já vivido.. Chorar pelo perdido... Castigo vem a galopes... Cada trote deixa uma marca na areia... E a solidão no silencio das ondas... O vazio que tripudia os pensamentos... O alento para o peito que desmancha... Com aquele beijo deixado de herança.

Um comentário:

  1. Linda postagem!!! gostei da parte sorrir do já vivido... Beijos no coração, Ju :)

    ResponderExcluir

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!