sexta-feira, abril 06, 2012

Diferentes formas...


Quando suas mãos me tocam, seu olhar me penetra a alma sinto como se não houvesse mais nada lá fora, e que só existe nosso mundo.
Penso em você a todo instante, além de sonhar com você todas as noites.
Amo poder contar com você a todo o momento.
Amo essa segurança que sinto quando estou ao teu lado, como se a cada momento eu pudesse eternizar o seu sorriso de formas diferentes.
Mas só de pensar, imaginar um segundo sem você, eu enlouqueço, mesmo sabendo que a tenho...
Amo o jeito que você me olha, é como se de seus olhos um grito de você é minha saísse a cada piscar.
Mas você não sabe o quanto eu te amo, muito menos o quanto eu sou louca por você.
Talvez um dia eu dê um jeito de lhe mostrar diferentes ou ao longo de muitos anos várias maneiras de te amar, sem dizer: Amo-te...
O mágico...
O simples..
O eterno...
O belo....
O doce...
É uma verdadeira junção de derivações de sentimentos que a meu ver são simplistas demais para descrever.... Informar,traduzir,reproduzir ,poetizar,desenhar ...
Um sentimento que não há um ser humano capaz nesse mundo de expressar, sem ficar martelando na cabeça: Era aquilo que eu queria dizer ? Será que eu consegui mostrar minha alma?O tamanho do meu Amor?
Porque fazemos isso ?
Porque sabemos que não há palavras suficientes para realmente traduzir o Verdadeiro Amor!!!


Um comentário:

  1. Re, adorei a nova configuração do seu blog... gostei bastante deste poema, principalmente da seguinte passagem: "Porque fazemos isso ?
    Porque sabemos que não há palavras suficientes para realmente traduzir o Verdadeiro Amor!!!" Concordo, penso que a linguagem proposicional não é suficiente para expressar os sentimentos na sua forma mais profunda... sempre fica faltando palavras que se tornam inexistentes perante a força do sentimento!!! Adorei o poema!!! beijos, Ju :)

    ResponderExcluir

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!