quarta-feira, janeiro 18, 2012

Maravilha do mundo....

O amor tem de ser vivido inteiro com todas as partes do coração...
Não doar por metade...
Não fazer jogos..
Não esconder sentimentos...
Não ter duvida...
Não titubear no momento decisivo...
Amar o amor verdadeiro é saber que lagrimas irá deslizar a face..
Que às vezes o medo vai sim sufocar a alma...
Que vai te tirar o sossego dos pensamentos..
Que vai sim doer..
Que vai chegar uma hora que será impossível não viver sem o tal amor...
Porém acima de tudo saber que amar é apenas se entregar de corpo ,mente e alma ...
Inteiramente ,literalmente se jogar no oceano e viver o mais intenso possível...
E se possível que seja eterno...
Eterno pode parecer coisa de conto de fadas ou pessoas piegas...
Mas não...
Cada minuto em sua vida é eternizado de alguma forma ...
Ficando a marca, o gosto, o gesto, o cheiro, o olhar, as lembranças daqueles momentos....
Porém o que importa é viver cada instante e segundo como se fosse o ultimo ...
O amor é sim uma das maravilhas do mundo.

3 comentários:

  1. Amor... aff
    Não pense que você vai determinar um roteiro pra esse sentimento
    Que irá dominá-lo e determinar o seu rumo
    Tolice!
    Ele vai te fazer cometer atos impensados
    Agir como uma estúpida
    Ele assume o controle...
    Você nunca o controla...
    Apenas acha q pode fazê-lo
    Assim ele age em nossas vidas
    Surge, muitas vezes, de forma muito discreta e comedida
    Nos fazendo acreditar que é um sentimento inofensivo
    Em pouco tempo...
    o cordeiro assume a pele de lobo...
    e quando isso acontece
    vc está ferrado...
    vc faz as mesmas merdas sempre
    e não contente... faz de novo... e de novo...
    vc adquire uma espécie de autopiedade desprezível..
    é a coisa mais absurda que existe...

    ResponderExcluir
  2. Re, gostei da postagem... achei, entre outras, essas passagens interessantes: "Cada minuto em sua vida é eternizado de alguma forma ...
    Ficando a marca, o gosto, o gesto, o cheiro, o olhar, as lembranças daqueles momentos....
    Porém o que importa é viver cada instante e segundo como se fosse o ultimo ..." Concordo que enternizamos de alguma forma o que experienciamos, mas acho que temos que tomar cuidado ao pensar que temos que viver cada minuto como se fosse o último porque isso pode levar a varios caminhos nao tao agradavéis como por exemplo, intensidade demasiada nas relações ou em quase tudo que fazemos na vida. Entre tantas interpretações do que vc escreveu, esta é uma delas. Ha de se tentar encontrar a harmonia e isso nao requer intensiade demasiada!!! Achei ótima a postagem!!! Beijos, ju :)

    ResponderExcluir
  3. Re, estava lendo um livro do Seneca hoje e me lembrei dessa sua postagem. Acho que a parte que me deixou mais "incomodada" tem relação com isto que Seneca escreve: "O fato é o seguinte: não recebemos uma
    vida breve, mas a fazemos, nem somos dela carentes, mas esbanjadores. Tal como abundantes e régios
    recursos, quando caem nas mãos de um mau senhor, dissipam-se num momento, enquanto que, por
    pequenos que sejam, se são confiados a um bom guarda, crescem pelo uso, assim também nossa vida se
    estende por muito tempo, para aquele que sabe dela bem dispor." Da para perceber a ligação com o que disse antes e com o que vc escreveu e porque eu discordo da passagem que vc escreveu???? Viver cada instante como se fosse o ultimo como vc diz, nao acho que seja viver intensidade demasiada, mas saber viver!!! Adorei este poema, esta ótimo!! Me fez refletir bastante!!! Beijos, Ju :)

    ResponderExcluir

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!