domingo, setembro 18, 2011

Imaginem só.....

Um alienígena...
Crescendo sem ser notado...
Estar no escuro dos dias ensolarados..
Não deixar nada em suspenso...
Surgir como uma pedra...
Virar um pássaro...
Saber o que uma alma faz....
Harmonizar,o som de uma abelha...
Ler sempre uma reflexão qualquer...
Deixar o enxame invadir e por toda parte flutuar....
Duvidar das próprias duvidas....
Duvidar até mesmo dos livros ...
Duvidar das palavras escritas, faladas, gesticuladas, desenhadas....
E a vida está dando dor nas costas....
Sacudindo o mundo e sem sabe equilibrar...
Saindo do eixo...
Desfrutando a infinita liberdade do sonhar...
Poder fazer alguém sorrir..
Poder fazer chorar..
poder fazer pensar...
Mas no final de tudo uma confusão em sua mente deixará...
Porque o sentido, aqui não há ..
Somente as palavras para um novo imaginar....
É uma história tão boa como outra qualquer.


Um comentário:

  1. Gostei da postagem!!! Achei interessante ressaltar as seguintes passagens:"Deixar o enxame invadir e por toda parte flutuar....
    Duvidar das próprias duvidas....
    Duvidar até mesmo dos livros ...
    Duvidar das palavras escritas, faladas, gesticuladas, desenhadas....Desfrutando a infinita liberdade do sonhar...
    Poder fazer alguém sorrir..
    Poder fazer chorar..
    poder fazer pensar..."
    Podemos pensar que, de certo modo, somos todos alienígenas!!! Abraços Re, Ju :)

    ResponderExcluir

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!