sexta-feira, agosto 05, 2011

Guerra solitária....

Sorissos, dor, lágrimas ,amor...
Mix de sentimentos que em nada se trasnformou....
Nada, nada, nada...
Caminho da guerra fria....
Um único guerreiro ..
Guerrilhando solitário....
Luta contra um único guerreiro..
A sua mente devastada....
A deusa olha incrédula de tal visão...
Mostra o caminho da redenção....
Condenada pela guerra inflamada...
Agoniza no chão...
Anjos veem em sua salvação...
O guerreiro perdeu seu valor...
A deusa olha e nada ver ao seu favor...
Nada sentimento da alma..
Talvez o pior dos sentimentos...
Porque o  nada faz com que o outro não exista...
Nem pena pelo guerreiro se tem...
Guerreiro que lhe foi fiél por anos...
Hoje um exilado pelas guerras errantes...
Improvável é da deusa  o  perdão receber...
Jogou fora a única chance ofertada para se render...
Súplica agora pela vida em outrora...
Porém as  horas indicam a execução...
No coração da deusa não há mais opção...
Um dia , um lugar, uma hora ,como será?
Isso não posso dizer..
Porém afirmo que as guerras de um único guerreiro não irão mais acontecer.

2 comentários:

  1. Nossa Re, ta lindo este poema...desta vez nem vou opinar...adorei a postagem...essa passagem que você escreve ta ótima: "Um dia , um lugar, uma hora ,como será?
    Isso não posso dizer..
    Porém afirmo que as guerras de um único guerreiro não irão mais acontecer." Te adoro minha Amiga!!! :)

    ResponderExcluir
  2. AH, esqueci de assinar a postagem novamente..rsrsrs..coloca ai Re...assinei no final... Nossa Re, ta lindo este poema...desta vez nem vou opinar...adorei a postagem...essa passagem que você escreve ta ótima: "Um dia , um lugar, uma hora ,como será?
    Isso não posso dizer..
    Porém afirmo que as guerras de um único guerreiro não irão mais acontecer." Te adoro minha Amiga!!! :) Ju

    ResponderExcluir

Diga se gostou, aguardo os comentários obrigada !!!